Share

Captura-de-Tela-2014-03-08-a-CC-80s-10.49.05

Quero hoje prestar,
A todas as mulheres,
Minhas homenagens divagar.

A este ser de quem nasci, 
Que ajudou-me a crescer,
De quem aprendi a ser,
A quem dediquei meu amor,
Com quem aprendi a viver,
De quem, de algumas,
Tantos prazeres bebi,
E a quem todo respeito dedico.

Mulher, por teu gênero,
Esta homenagem te presto
Em teu dia,
de internacionais homenagens,
Te dedico estes singelos versos.
Alberto Valença Lima
08 de março de 2014.

The following two tabs change content below.
Alberto Valença nasceu em Olinda - PE. Sempre gostou muito de escrever, sendo a leitura um de seus divertimentos preferidos. Com quatro graduações concluídas, o autor enveredou por várias áreas do conhecimento. Em 1973 concluiu Licencitaura em Física pela UFPE, em 1980 concluiu Bacharelado em Psicologia e Formação de Psicólogo com especialização na área de Psicologia Escolar. em 1999 bacharelou-se em Direito e, no mesmo ano, foi aprovado na OAB-PE exercendo a profissão por dez anos. Publicou em 2014 um poema numa antologia e, agora, publica 15 poemas em outra antologia. Desde a infância gostava também de cinema e, em 2006, criou o blog Verdades de um Ser no qual divulga seus textos e comenta sobre literatura e cinema. Posteriormente, criou também o blog O seu companheiro de viagem, com o qual compartilha suas experiências de viagem oferecendo sempre dicas valiosas para quem quer viajar.
Share

7 ideias sobre “A todas as mulheres

  1. Fátima Carvalho

    É gratificante encontrar nos dias de hoje , gente que nos presenteia com sonetos, poemas, palavras significastes e profundas, que mexem com o mais íntimo do ser humano. Amei !

  2. LuísaZacarias

    Lindoooooooooooooooooooooooooooooooooooooo
    Como um ser que dela nasceu.
    Abraço (de:sempreLuZ.)

  3. Maria do Socorro Barreto

    Encantada com cada poesia que leio, com cada sentimento profundo que sai do seu coração, da sua sensibilidade,
    O poeta Alberto Valença. Nessa linda homenagem as mulheres, ele presta uma homenagem a mulher mais relevante de sua vida: Sua Mãe! A este ser de quem nasci! Que me ajudou acrescer A quem dediquei meu amor ( amor de filho para mãe) e vem em agradecimento Com quem aprendi a viver!
    Depois ele recita homenagem as mulheres que passaram em sua vida, tantos prazeres bebi e num respeito profundo ele narra: e a quem todo respeito dedico.
    Lindo Demais! Profundo demais! Essa verdade em poesia. Parabéns!!!!!!

Os comentários estão fechados.