Garotas do calendário [Filme online]

Share

Direção – Nigel Cole

garoptas do calendario

É um dos filmes mais extraordinários a que já assisti nos últimos tempos. O filme é comovente, é lindo, é único!

O filme inicia com uma reunião do WI (Women’s Institute) do mês de janeiro com uma palestra sem grança e sem interesse para ninguém sobre a a história do Milk Marketing Board, uma empresa de leite. Seguem-se os meses de fevereiro com uma palestra, menos interessante ainda, sobre os tipos de carpetes e os meses de março e abril, com outras palestras do mesmo tipo, sem relevância alguma. É quando Annie (Julie Walters) e Chris (Helen Mirren), grandes amigas, resolvem convidar John, o marido de Annie, para dar uma palestra lá noWI. Dizem a ele que não importa qual o assunto. Qualquer coisa será melhor do que o que ouvem lá todos os meses.

garotas do calendario1

 

Apesar de ser um filme de 2003, merece toda atenção. Nigel Cole já havia dirigido O barato de Grace, (2000) vencedor de vários prêmios e muito bem aceito pela crítica especializada. Depois deste Calendar girls dirigiu De repente, é amor (2005), De golpe em golpe (2008) e a deliciosa comédia dramática Revolução em Dagenham (2010), este último, também baseado numa história real. Nigel Cole ainda dirigiu dois outros filmes.

garotas do calendário2

Pouco tempo depois, John descobre que está com câncer, começa o tratamento de quimioterapia e, pouco depois, sua morte. Ele termina sem ir dar a palestra que pretendia lá no WI. Depois disso, elas precisavam fazer um calendário do WI para aquele ano. No ano anterior tinham feito um com doze vistas das pontes locais e a proposta lançada pela presidente do WI na cidade para aquele ano era de as doze vistas mais bonitas das igrejas de Wharfedale, cidade onde moravam. Chris então propõe um calendário com doze delas nuas, após ver um calendário de mulheres nuas numa oficina de bicicletas candidatando-se a ser a de janeiro. Annie levanta-se oferecendo-se para fevereiro, outra se candidata a março, abril, e assim, elas começam a bolar como seria esse calendário. Daí em diante, o filme torna-se um verdadeiro primor. A proposta, era obter, com as vendas dos calendários, dinheiro suficiente para a compra de um sofá para substituir o atual na sala de espera do hospital onde John tinha morrido.

Ah! Uma informação importantíssima! Elas são mulheres na faixa de 55 a 60 anos. Algumas já com cabelos brancos. Isso dá um toque todo especial ao filme.

garotas do calendario4

Um dos grandes momentos deste longa é a coletiva que elas dão para a imprensa, na qual, o espectador vivencia com elas, as emoções que estão sentindo. É extraordinário!
Outro, é ainda no iniciozinho de tudo, quando John vem a falecer deixando um discurso escrito sobre o que diria na convenção do WI para a qual havia sido convidado a falar.

garotasdocandario

As flores de Yorkshire são como as mulheres de Yorkshire. Cada estágio do seu crescimento é mais bonito que o anterior. Mas o último estágio é sempre o mais glorioso. E rapidamente elas murcham. O irônico é que minha flor favorita não é nativa do Reino Unido, muito menos de Yorkshire. Acho que nada neste planeta celebra a vida mais do que o girassol. Para mim, isso se deve ao motivo por trás do seu nome. Não porque se parece com o Sol, mas porque segue o Sol. Durante o dia a flor segue o Sol pelo céu. É uma antena para buscar a luz solar. Essas flores vão encontrar qualquer luz, mesmo sendo fraca. E isso é admirável. Isso é uma lição de vida.

garotas do calendario3

Tudo é extraordinário! As emoções que o espectador é convidado a sentir junto com elas, as lições de vida e convivência com que nós somos brindados, a bela fotografia, a trilha sonora primorosa de Hans Zimmer e interpretações perfeitas. Faltou dizer também que o roteiro é baseado numa história real. O filme é perfeito e mereceu cinco estrelinhas.

Produção – Inglaterra
Ano de lançamento – 2003
Duração – 1h 28 min
Música – Hans Zimmer

Elenco e personagens:
Helen Mirren ……….. Chris Harper
Julie Walters ……….. Annie Clarke
Linda Bassett ………. Cora
Annette Crosbie ….. Jessie
Philip Glenister ……. Lawrence Sertain
Ciarán Hinds ……… Rod Harper
Celia Imrie ………… Celia
Geraldine James …. Marie
Penelope Wilton … Ruth Reynoldson
George Costigan … Eddie Reynolson
John Alderton ……. John Clarke

garotas-do-calendario6

 

garotas-do-calendario7

 

garotas-do-calendario5

LEIA AS INSTRUÇÕES ABAIXO COM ATENÇÃO

Se você chegou até aqui através da página Compartilhando minhas verdades [Filmes online] você já deve ter lido as instruções abaixo. Basta então seguir àquilo que você já leu naquela página. Caso tenha vindo até aqui diretamente pela postagem, leia com atenção o restante das instruções.

Para assistir ao filme abaixo, você deve clicar na setinha para direita. e logo em seguida clicar em pausar. Espere para carregar o filme aguardando algum tempo. Dependendo da velocidade de sua conexão, isto poderá levar de 5 a 10 minutos, até que o filme seja carregado. Depois desse tempo clique na setinha novamente para parar a exibição. Aguarde então alguns minutos mais, enquanto os próximos minutos do filme são carregados. Você verá a linha do tempo sendo preenchida. Quando ela estiver preenchida até perto da metade, pode dar início novamente à exibição.

Se a espera for maior do que este tempo, sugiro que reduza a resolução para 240p. Isto irá baixar a qualidade da imagem, ou então, espere mais tempo. Provavelmente, neste caso, se você não baixar a resolução, haverá interrupções ao longo da exibição. Porém se a velocidade de sua conexão estiver boa, aumente a resolução conforme desejar para usufruir de melhor qualidade.

Ajuste o áudio conforme sua conveniência no próprio player do filme e no seu sistema operacional. É recomendável a utilização de fones de ouvido para apreciar melhor os sons do filme. Você também pode assistir ao filme em tela cheia, basta clicar na setinha (semelhante à figura abaixo) do lado inferior direito.

full-screen-simbolo

Depois de assistir ao filme, pode fazer um comentário sobre ele. Até peço que o faça. Será muito útil. Não só para mim, que poderei avaliar como está repercutindo meu esforço, como também para outros visitantes, que poderão saber opiniões de outras pessoas sobre o filme a que irão assistir (ou não).  Basta clicar em “Deixe um comentário” na parte superior da postagem ou em XX respostas. Boa diversão.

IMPORTANTE

Este blog não tem fins lucrativos. Não recebo nada pelo que ofereço, além da satisfação dos leitores. No blog não tem propaganda de nenhuma espécie. Não tenho intenção de infringir a lei. Se algém se sentir prejudicado em seus direitos autorais, basta me enviar uma mensagem pelo email que tirarei de imediato o filme do blog.

contato-blog

The following two tabs change content below.
Alberto Valença nasceu em Olinda - PE. Sempre gostou muito de escrever, sendo a leitura um de seus divertimentos preferidos. Com quatro graduações concluídas, o autor enveredou por várias áreas do conhecimento. Em 1973 concluiu Licencitaura em Física pela UFPE, em 1980 concluiu Bacharelado em Psicologia e Formação de Psicólogo com especialização na área de Psicologia Escolar. em 1999 bacharelou-se em Direito e, no mesmo ano, foi aprovado na OAB-PE exercendo a profissão por dez anos. Publicou em 2014 um poema numa antologia e, agora, publica 15 poemas em outra antologia. Desde a infância gostava também de cinema e, em 2006, criou o blog Verdades de um Ser no qual divulga seus textos e comenta sobre literatura e cinema. Posteriormente, criou também o blog O seu companheiro de viagem, com o qual compartilha suas experiências de viagem oferecendo sempre dicas valiosas para quem quer viajar.
Share

6 ideias sobre “Garotas do calendário [Filme online]

  1. Pandora

    Eu PRECISO ver esse filme! É o meu tipo de filme, uma obra completa, redonda, sentimental, tocante e profunda sem deixar de ser divertida! ADORO histórias assim independentes se são filmes ou livros. Entrou para minha lista! Cedo ou tarde vou ver!

    Obrigada pela dica!!!
    O que tem na nossa estante

    1. Alberto Valença Autor do post

      Olá Pandora, precisa mesmo viu? Este filme é fantástico! Belíssimo. Agradeço pelo adorável comentário e volte mais vezes.

    1. Alberto Valença Autor do post

      É Diane, decididamente, não é pra você este filme. De comédia ele não tem nada mas é belíssimo. Em breve postarei aqui algumas comédias românticas. Fico muito grato pelo seu comentário.

  2. Denise

    Eh um filme maravilhoso, que coloca a gente frente a frente com muitas emocoes, que as vezes deixamos guardadas la no fundinho! E reune as mehores atrizes inglesas de sua era – coisa que nao aceito, de “sua era”, mas quis dizer, de antes e de agora tambem! Porque mulheres mais maduras nao sao vistas como lindas? Pois este filme mostra isso e eh muito bonito!
    DenisesPlanet.com

    1. Alberto Valença Autor do post

      Olá Denise, mais uma vez, agradeço sensibilizado pelo seu adorável comentário. Sem dúvida, este é um filme pra lhe deixar pensando após o ‘The end’. Sem dúvida, o elenco é de primeira linha e as interpretações de Julie Walters e Helen Mirren são primorosas, sem desmerecer as demais. E apesar das idades, elas são ainda mulheres bonitas. E tornam-se mais belas ainda pela riqueza interior que expressam em vários momentos. O filme é de uma riqueza sem igual. Não foi à toa que mereceu as cinco estrelinhas. E olhe que não saio por aí distribuindo estrelas nos filmes.

Os comentários estão fechados.