47 Ronins [Filme]

Share

Direção – Carl Erik Rinsch

Título original – 47 Ronin

47 ronin capa

Trata-se de um filme norte-americano baseado numa história real conhecida como a Lenda dos 47 Ronins da velha tradição japonesa. O longa é contado em forma de uma fantasia com bastante ação e romantismo. Algumas belas frases merecem destaque como, por exemplo, a do pedaço de papel que cada samurai deixa ao seu lado antes de praticar o harakiri (Seppuku) como uma espécie de testamento.

47 ronin1

Kai (Keanu Reeves), personagem criado para este filme e não existente na lenda japonesa, diz para sua amada, Mika (Kou Shibasaki), filha de Lorde Asano, chefe da Província de Ako.
Eu a procurarei em mil mundos e em dez mil vidas até encontrá-la, reproduzindo um diálogo anterior que Kai tinha tido com Mika, quando ela lhe respondeu: e eu estarei lhe esperando em cada um deles.

47 ronin2

O Japão é tido como um país cheio de mistérios e, onde há mistério há também fantasias. As Províncias rivais, eram governadas por senhores que eram protegidos pelos samurais, mestres da espada que tinham o dever de proteger a Província e o seu Lorde a qualquer custo. Os Lordes eram governados por um xogum que tinha poder absoluto sobre tudo. Se um samurai perde ou decepciona seu mestre, sofre a maior vergonha que alguem pode sofrer na sociedade japonesa – torna-se um ronin.

47 ronin3

A lenda japonesa foi vilmente adulterada pelos produtores do filme e, em especial, por Chris Morgan e Hossein Amini, responsáveis pelo roteiro do filme. Eles introduziram uma criança (Kai), criada nas matas pelos demônios, que não existe na lenda japonesa e isso, revoltou muita gente. Também não trataram a lenda com o devido respeito que ela merecia mas, nem por isso, o filme perde seu valor.

47 ronin5

Bem, esta criança, é criada junto com a filha de Lorde Asano (Mika) e por ela se apaixona, sendo correspondido. Em uma visita do xogum na Província, Lorde Asano, enfeitiçado pela bruxa Mizuki (Rinko Kikuchi), tenta matar seu convidado e acompanhante do xogum Lorde Kira que cobiçava a Província de Ako. Os japoneses consideram uma ofensa imperdoável esta atitude de um anfitrião e, o xogum exige que Lorde Asano pratique o Seppuku (Harakiri). Com a morte de seu mestre, Oishi e todos os samurais de Ako são declarados ronins e banidos das terras.

47 ronin6

Lorde Kira assume o comando das duas Províncias, a que já era dele e Ako, ficando Mika prometida a ele para casar-se dentro de um ano, após o luto do pai. Oishi reune 46 ronins, incluindo Kai, que era mestiço mas passa a ser um deles, para vingar o Mestre Asano e recuperar sua honra. No dia do casamento com Mika, durante a festa, os ronins invadem o castelo, matam todos os guardas e decapitam Lorde Kira, vingando assim o Mestre Asano.

47 ronin7

É o filme de estreia do diretor Carl Rinsch e foi muito mal recebido pela crítica sob a alegação de que Hollywood tinha deturpado a lenda e a tradição japonesas. Eu não considerei um mau filme. Até gostei, e lhe dou 3 estrelinhas, recomendando que todos assistam a ele, principalmente se gostarem de filme de ação.

estrelasred

 

 

47-Ronin4
Produção – Estados Unidos
Duração do filme – 1 hora e 51 minutos
Ano de lançamento – 2013

Elenco e personagens:
Keanu Reeves como Kai.
Tadanobu Asano como Lord Kira
Rinko Kikuchi como Mizuki, uma feiticeira que serve Lord Kira
Hiroyuki Sanada como Kuranosuke Oishi, o líder dos Ronin
Kou Shibasaki como Mika, a filha do mestre morto e interesse amoroso de Kai
Cary-Hiroyuki Tagawa como o Shogun
Jin Akanishi como Chikara Oishi, o filho de Kuranosuke
Rick Genest como Savage

47-ronin-8

The following two tabs change content below.
Alberto Valença nasceu em Olinda - PE. Sempre gostou muito de escrever, sendo a leitura um de seus divertimentos preferidos. Com quatro graduações concluídas, o autor enveredou por várias áreas do conhecimento. Em 1973 concluiu Licencitaura em Física pela UFPE, em 1980 concluiu Bacharelado em Psicologia e Formação de Psicólogo com especialização na área de Psicologia Escolar. em 1999 bacharelou-se em Direito e, no mesmo ano, foi aprovado na OAB-PE exercendo a profissão por dez anos. Publicou em 2014 um poema numa antologia e, agora, publica 15 poemas em outra antologia. Desde a infância gostava também de cinema e, em 2006, criou o blog Verdades de um Ser no qual divulga seus textos e comenta sobre literatura e cinema. Posteriormente, criou também o blog O seu companheiro de viagem, com o qual compartilha suas experiências de viagem oferecendo sempre dicas valiosas para quem quer viajar.
Share

Uma ideia sobre “47 Ronins [Filme]

  1. Denise

    Filmes de acao nao sao bem o meu forte, mas de misterios e lendas sim! Pena que deturparam a lenda, mas como eh um filme, a liberdade “poetica” pode ser relevada. Gosto da proposta, da sinopse e creio que vou assisti-lo. E como sempre, aprendi muitas coisas aqui, adoro aprender! Um abraco!
    DenisesPlanet.com

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Desvende a charada para validar o comentário *