Arquivo do autor:Alberto Valença

Sobre Alberto Valença

Alberto Valença nasceu em Olinda - PE. Sempre gostou muito de escrever, sendo a leitura um de seus divertimentos preferidos. Com quatro graduações concluídas, o autor enveredou por várias áreas do conhecimento. Em 1973 concluiu Licencitaura em Física pela UFPE, em 1980 concluiu Bacharelado em Psicologia e Formação de Psicólogo com especialização na área de Psicologia Escolar. em 1999 bacharelou-se em Direito e, no mesmo ano, foi aprovado na OAB-PE exercendo a profissão por dez anos. Publicou em 2014 um poema numa antologia e, agora, publica 15 poemas em outra antologia. Desde a infância gostava também de cinema e, em 2006, criou o blog Verdades de um Ser no qual divulga seus textos e comenta sobre literatura e cinema. Posteriormente, criou também o blog O seu companheiro de viagem, com o qual compartilha suas experiências de viagem oferecendo sempre dicas valiosas para quem quer viajar.

O nosso dia-a-dia – Poesia [Texto autoral]

Share

Poesia (texto autoral)

Esta poesia, composta por Alberto Valença Lima, é dedicada a uma pessoa muito especial na minha vida. Pessoa muito cara há um longo tempo. Ela é dedicada a você, meu amor. Noiva de quase um ano, amor de uma eternidade que já dura quase 50 anos.

O nosso dia-a-dia

Versos de Alberto Valença Lima
em 2018, janeiro, 14, às 12 h.

Embalado nas tuas juras de amor,
sigo feliz pelo dia inteiro a sorrir.
Minhas juras também te deixam abrir
um sorriso de flor do teu desejo interior.

Nada detém nosso amor a crescer,
e devagar construímos nossos sonhos,
que no passado distante foram cortados
em pedacinhos que, aos poucos juntamos.

Mas não são cacos, esses sonhos impedidos
por quem não compreendeu toda grandeza
de um amor que na juventude surgiu,
numa festa de 15 anos em meus braços dançando.

Aquela menina de longos cabelos negros cheirosa,
de branco vestido, em bordados teu belo corpo enfeitava.
Mas em passos de valsa, samba e foxtrote, bolero e forró,
deslizava naquele salão de luzes e cores que a música entoava.

Temos algo em nossos corações a cantar,
com alegria e muito desejo de em breve casar.
Nossos dias serão, com certeza, cheios de vida,
E muita felicidade, amor, respeito e cumplicidade.

Share

Hoje é sexta e é dia de filme online

Share

Delicadeza do amor [Filme online]

Hoje é sexta-feira, então, hoje é dia de filme online. O filme escolhido para esta sexta é um delicioso romance contado com uma simplicidade e delicadeza ímpares. Este filme já foi publicado aqui no blog mas, estou modificando a postagem para incluir na mesma o filme para você assistir a ele online aqui no blog Verdades de um Ser gratuitamente.

Os filmes online são vistos pela internet como os filmes do Youtube. Como todos os filmes aqui disponibilizados estão hospedados no site do VK, é necessário para assistir a algum desses filmes, estar inscrito lá, isto é, é necessário, ter uma conta no VK. Para se inscrever é muito simples. Basta clicar no link abaixo, e seguir as instruções que vão aparecer.

Inscrever-se no VK

Depois de inscrito no VK você pode assistir a qualquer dos filmes disponibilizados aqui no blog Verdades de um Ser. Para encontrar os títulos dos filmes já disponibilizados, basta procurar no índice do menu acima na aba “Mais verdades“, e em seguida, clique em “Compartilhando minhas verdades – Página 1 [Filmes online]” e depois, vá clicando em “Página seguinte“, ao final de cada página. Fazendo isso você verá a relação completa de todos os filmes já disponibilizados. Caso você clique em “Assistir agora” e não abra uma nova página é porque o filme ainda não foi disponibilizado.

Clique no link abaixo e você será direcionado ao post onde poderá assistir ao filme A delicadeza do amor, com  áudio original legendado, aqui no blog Verdades de um Ser.

A delicadeza do amor

Share

Um novo filme online para você

Share

Sexo sem compromisso [Filme online]

Sexta-feira, é dia de filme online aqui no blog Verdades de um Ser. Na sexta-feira passada não pude publicar isto aqui, então, estou publicando hoje com algum atraso. Este filme já foi publicado antes aqui no blog. Em junho de 2015 mas o post sofreu modificações com a inclusão do filme online para você assistir a ele aqui no blog gratuitamente.

Esta postagem é apenas para noticiar que o post mencionado contem agora o filme online para você assistir a ele. Então, clique no título do filme lá embaixo e acesse o filme.

Instrução adicional

Para assistir aos filmes deste blog você deverá estar inscrita(o) no Vk, site onde estão hospedados todos os filmes que aqui são disponibilizados. Após o registro no Vk , que você só precisa fazer uma vez, sempre que você for assistir a algum filme deverá primeiro fazer o login com seu email ou telefone registrado e a senha usada no registro. Para se registrar ou fazer login, acesse o link ao lado. Registro no Vk.

Para assistir ao filme abaixo, após ter feito o login no Vk, você deve clicar na setinha para direita. e logo em seguida clicar em pausar. Espere para carregar o filme aguardando algum tempo. Dependendo da velocidade de sua conexão, isto poderá levar de 5 a 10 minutos, até que o filme seja carregado. Depois desse tempo clique na setinha novamente para parar a exibição. Aguarde então alguns minutos mais, enquanto os próximos minutos do filme são carregados. Você verá a linha do tempo sendo preenchida. Quando ela estiver preenchida até perto da metade, pode dar início novamente à exibição.

Se a espera for maior do que este tempo, sugiro que reduza a resolução para 240p. Isto irá baixar a qualidade da imagem, ou então, espere mais tempo. Provavelmente, neste caso, se você não baixar a resolução, haverá interrupções ao longo da exibição. Porém se a velocidade de sua conexão estiver boa, aumente a resolução conforme desejar para usufruir de melhor qualidade.

Recomendações

Ajuste o áudio conforme sua conveniência no próprio player do filme e no seu sistema operacional. É recomendável a utilização de fones de ouvido para apreciar melhor os sons do filme. Você também pode assistir ao filme em tela cheia, basta clicar na setinha (semelhante à figura abaixo) do lado inferior direito.

Depois de assistir ao filme, pode fazer um comentário sobre ele. Até peço que o faça. Será muito útil. Não só para mim, que poderei avaliar como está repercutindo meu esforço, como também para outros visitantes, que poderão saber opiniões de outras pessoas sobre o filme a que irão assistir (ou não).  Basta clicar em “Deixe um comentário” ou “xx resposta(s)” no início da postagem no canto superior esquerdo. Boa diversão.

Clique no link abaixo e você será direcionado ao post onde poderá assistir ao filme Sexo sem compromisso, dublado, aqui no blog Verdades de um Ser.

Sexo sem compromisso [Filme online]

IMPORTANTE

Este blog não tem fins lucrativos. Não recebo nada pelo que ofereço, além da satisfação dos leitores. No blog não tem propaganda de nenhuma espécie. Não tenho intenção de infringir a lei. Se algém se sentir prejudicado em seus direitos autorais, basta me enviar uma mensagem pelo email que tirarei de imediato o filme do blog.

contato-blog

Share

Participação em uma nova antologia

Share

Publicação de Antologia

Hoje recebi dois exemplares de uma publicação da qual participei com um dos meus poemas selecionados pela Câmara Brasileira de Jovens Escritores (CBJE). Esta edição foi de setembro mas só hoje a recebi por problemas na edição e envio da mesma. Mas trata-se da publicação de antologia cujo título é Os mais belos poemas de amor, e cuja capa encontra-se abaixo, juntamente com a medalha que recebi por ter sido selecionado.

Junto com o livro veio também um diploma e uma medalha, que reproduzo abaixo. E também a poesia que foi escolhida para participar da antologia intitulada “Amor calado“.

Este poema encontra-se também publicado no site da editora – Câmara Brasileira de jovens Escritores (CBJE). Clique no link acima (título da poesia) para ser direcionado para lá.

Amor Calado ou Amor escondido

Versos de Alberto Valença Lima
2017, june, 18th. 11h 27min

Como é triste um amor que, calado,
esconde-se no coração apaixonado!
Mas nunca é tarde para teu sentimento
desabrochar como flor em primavera,
e a todos os seres que vivem no planeta
encantares com teu amor de luneta
a contemplar as estrelas e os cometas,
que no teu coração, por timidez, escondeste.
Mostra então tua poesia, ó doce criatura,
e abraça as pessoas que pelo teu caminho passarem.

Não deixes teu amor escondido.
Amor escondido é como chuva que não caiu…
Amor escondido, é como flor que não abriu.
Amor escondido, é como sorriso que não se viu.
Amor escondido, é como sono que não dormiu.
Amor escondido, é como a carta que não seguiu.
Amor escondido é como o beijo que não sentiu.
Amor escondido, é como a grávida que não pariu.

Não faça assim, ó Linda menina sutil.
Derrama teu amor nas luas de abril.

Esta poesia também ganhou um concurso havido na Casa dos Poetas e da Poesia ficando em 4º lugar, que abaixo também reproduzo.

 

Share

Hino ao amor para Socorro [Texto autoral]

Share

Hoje, no primeiro dia do ano, quero compartilhar um poema feito para o meu grande amor. Na verdade, um hino ao amor. O maior amor que já vivi em minha vida. E que já dura mais de 46 anos. Um hino de amor composto para esta mulher a quem entreguei todo meu ser.

HINO DE AMOR PARA SOCORRO

Versos de Alberto Valença Lima

Saudade que vem e fica
Não pode jamais se achegar
Pra minha tristeza apagar.

Não vem, saudade na porta
Bater pra meu coração afogar
Mas se trouxeres a amada,
De meu coração a cantar,

És benvinda em meu quarto,
Ó saudade, que me fazes sonhar!
E as tristezas de minh’alma afastar

Nesta hora de tanto pesar,
Por minha noiva em São Paulo estar,
E eu aqui, em Olinda, a vagar.

Minha amada Socorro a sonhar,
Como queria o teu corpo abraçar,
E em teus braços, poder me aconchegar!

 

Share

Retrospectiva de 2017

Share

Sendo hoje o último dia do ano, não poderia deixar de fazer aqui uma breve retrospectiva de 2017 para o blog Verdades de um Ser.

Inicialmente, quero desculpar-me pela minha ausência nos últimos meses. Ando meio frustrado com a falta de comentários das pessoas aqui, embora o blog continue com um número bastante razoável de acessos. Tanto que, para evitar os spams, eu eliminei os comentários pois ninguém estava comentando mesmo, com exceção de apenas uma pessoa – Denise, do blog Denise’s Planet, a quem agradeço.

Em segundo lugar, quero agradecer a todas as pessoas que acessam o blog embora não deixem comentários. É sempre bom saber que de algum modo, causamos interesse a alguém com aquilo que escrevemos.

Nova marca ultrapassada – 100 mil acessos.

Em terceiro lugar, festejar com vocês que visitam este blog, a notícia de que foi ultrapassada mais uma marca neste mês de dezembro. Não sei em que dia isso aconteceu mas, foi em algum dia entre os dias 15 e 25 de dezembro. O blog ultrapassou a marca de 100.000 acessos.

Agora vamos à retrospectiva propriamente dita.

Publicações de 2017

Em 2017 foram postados ao todo 76 posts, dos quais, a grande maioria, foi de publicações de filmes online para que os visitantes do blog assistam a filmes de boa qualidade.

Janeiro:

  • Postados 2 filmes online, uma publicação de crítica de filme e outra de comentários sobre um livro.

Fevereiro:

  • Postados 3 filmes online, um comentário sobre filme, e a notícia dos filmes indicados para o Oscar.

Março:

  • Este foi o mês de maior número de postagens de filmes online do ano. Foram postados 15 filmes online, um comentário sobre um filme e outro sobre um livro. E uma postagem noticiando sobre a surpresa para o Dia Internacional da Mulher.

Abril:

  • Este foi o mês de maior número de publicações no ano. Foram postados 3 filmes online, 22 postagens comentando sobre filmes, um texto autoral e uma postagem noticiando a marca de 70 mil acessos atingida pelo blog Verdades de um Ser. Em 8 meses, foram 30 mil acessos, o que representa uma média de quase 4 mil acessos por mês.

Maio:

  • Postados dois filmes online, um comentário sobre um livro. E uma notícia sobre o lançamento de um novo número da Revista Novo Horizonte, a qual publica um texto de minha autoria.

Junho:

  • Postados 10 filmes online, dois textos autorais e um convite para participação em um E-book que eu organizaria. Ele está sendo lançado nos primeiros dias de janeiro de 2018.

julho:

  • Publicado um filme online, um comentário sobre um filme e a notícia de uma nova resenha sobre o meu livro Poesia, Palavra é Arte, que havia sido publicada no Instagram.

Agosto:

  • Publicados dois filmes online e um texto autoral.

Setembro:

  • Publicada uma única postagem informando sobre o Dia do Blog.

Outubro e novembro:

  • Não foi publicada nenhuma postagem no blog Verdades de um Ser.

Dezembro:

  • Publicadas duas postagens: uma com um texto autoral e esta da Retrospectiva de 2017.

* * * * * * *

Ao longo do ano, o blog Verdades de um Ser publicou dez filmes de James Bond que, juntados aos dois que já haviam sido publicados, totaliza 12 filme de James Bond publicados pelo blog Verdades de um Ser. E em breve você poderá encontrar aqui todos os filmes da série.

Publicou também todos os filmes da série Star Wars. Para assistir a qualquer um desses, basta usar o mecanismo de busca na primeira lacuna na parte superior direita do blog ou procurar nas páginas dos filmes cuja lista pode ser encontrada tanto no menu da parte superior como na barra lateral do blog.

Publicou ainda um Festival do famoso diretor Richard Lester, responsável pelos filmes dos Beatles. Foram publicados os dois filmes dos Beatles (Os reis do ié, ié, ié e Help) e mais Um rato na lua e A bossa da conquista que podem ser vistos online aqui no blog Verdades de um Ser.

Agradecimentos

Então, eu só tenho a agradecer. A cada pessoa que passou por aqui. Vou tentar no próximo ano retomar as postagens para oferecer o que sempre venho oferecendo a quem visita o blog há 11 anos – cultura e entretenimento.

Um feliz 2018 para você.

Share

Olhar pra você… (um poema)

Share

Há um longo tempo que não posto aqui no blog. Hoje compus o poema a seguir e senti vontade de publicá-lo aqui. Título do poema – Olhar…

Olhar…

Versos de Alberto Valença Lima

Olhar pra você
me traz lembranças
que me remetem
a um passado distante.

Olhar pra você,
me faz feliz
e preenche meu ser
com o amor que a você dedico.

Olhar pra você,
sempre produz
muitas coisas boas
em mim e no mundo.

Olhar pra você,
é como se a lua
promovesse um espetáculo privado
em sua homenagem para mim.

Olhar pra você,
desperta em mim
o homem apaixonado
que seu olhar, a você dedica.

09 dez 2017, às 21 h.

Share

Dia do Blog, ele existe. Você sabia?

Share

Nunca tinha ouvido falar que havia uma data em que se comemorava o Dia do Blog, até ler sobre isso no blog de Denise mas, essa data existe! É o dia 31 de agosto ou seja, 3108 que foi escolhida por causa da semelhança entre a forma como é escrita a data (3108) e a palavra Blog.

Muito interessante! Vejam que realmente, 3 se parece com B, 1 se parece com L, zero se parece com O e 8 se parece com um G, formando assim a palavra BLOG.

Dia do Blog

Ficou convencionado que, nesta data, cada blogueiro deveria postar em seus blogs uma mensagem apontando para seus leitores, outros blogs que considera interessantes para que Continue lendo

Share

O rato na lua – Richard Lester [Filme online]

Share

Direção – Richard Lester

Ainda com o Festival Richard Lester, diretor inglês responsável pelos dois primeiros filmes dos Beatles, hoje o blog Verdades de um Ser traz para você ver mais um filme online deste diretor. Trata-se de um filme raro e bem divertido – O rato na lua.

Richard Lester

Este festival de Richard Lester que o blog Verdades de um Ser está promovendo é comemorativo do aniversário de 49 anos do lançamento deste mesmo festival no Cinema de Continue lendo

Share

A bossa da conquista… e como consegui-la – Richard Lester [Filme online]

Share

Direção – Richard Lester

Richard Lester, diretor inglês responsável pelos dois primeiros filmes dos Beatles, realizou esta obra-prima do cinema baseando-se na peça homônima de Ann Jellicoe. Conquistou a Palma de Ouro em Cannes no mesmo ano do seu lançamento.

Richard Lester

Sobre o filme

Richard Lester, auxiliado por uma belíssima música de John Barry, realizou uma das mais belas obras da sétima arte a que já assisti. É uma comédia leve, agradável, com cenas muito Continue lendo

Share